Araraquara News

Sabado, 13 de Abril de 2024

🔴 Ao vivo

Cultura

Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto apresenta Requiem de Mozart

Texto&Cia Comunicação
Por Texto&Cia Comunicação
Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto apresenta Requiem de Mozart
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Participe do nosso grupo no WhatsApp
Siga-nos no Instagram

Uma das grandes obras de Wolfgang Amadeus Mozart, o Requiem é também o último trabalho do compositor austríaco. Trata-se de uma missa fúnebre, que teve sua estreia em Viena, em 1791, pouco após a morte do autor, que a deixou inacabada. O Requiem foi uma encomenda e acabou sendo finalizada por terceiros. E, mais uma vez, é apresentada pela Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, na série Concertos Internacionais, com regência de Reginaldo Nascimento, dia 13 de abril, no Theatro Pedro II de Ribeirão Preto.

 

Cristina Modé, Pedro Coelho, Tamara Pereira,  Wladimyr Carvalho serão os solistas que estarão acompanhados dos coralistas Anita Andreotti, Anita Furlan, Bruno Cardoso, Ester Sonievski, Isaque Martins, Joao Pitol, Julia Andreotti, Lucas Coltri, Luiz Paulo, Tamara Pereira, Thaise Giunco, Vinicius Simião, Vitoria Coimbra.

Leia Também:

 

A série Concertos Internacionais é uma realização de Ministério da Cultura, Associação Musical de Ribeirão Preto e Theatro Pedro II.

 

Programa
Antonio Vivaldi (1678-1741) Sinfonia em Si menor 
Al Santo Sepulcro (5'00)
Wolfgang A. Mozart (1756-1791) Requiem em Ré menor K.626 (60'00)

1. Introitus
2. Kyrie

III. Sequenz

1. Dies irae
2. Tuba mirum
3. Rex tremendae 
4. Recordare
5. Confutatis
6. Lacrymosa 
7. Offertorium
8. Domine Jesu 
9. Hostias 
10. Sanctus 
11. Benedictus 

VII. Agnus Dei 
VIII. Communio
Lux aeterna

 

Reginaldo Nascimento
Maestro titular da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, é formado em Música pela USP Ribeirão Preto, e tem atuado como regente convidado na Europa e nos Estados Unidos, destacando-se a UTRGV Youth Orchestra, a Filarmônica de Murmansk, a MAV Symphony e a Random Orkiestra Kameralna. Também esteve à frente da Sonoma County Philharmonic e da Louisiana Chamber Orchestra. No Brasil, colaborou com a Orquestra Jovem do Estado. Recebeu a medalha de Honra ao Mérito Carlos Gomes e faz parte das academias de Música de São Paulo e do Brasil.

 

Tamara Pereira
Soprano, graduada em Música (Piano) pelo Departamento de Música da FFCLRP-USP. Soprano lírico, participou como protagonista em óperas de Mozart, Puccini, Mascagni e solista em obras de Vivaldi, Bach, Beethoven, Rossini, dentre outros. Foi finalista do Concurso Carlos Gomes. Apresenta-se frente à Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, Orquestra Acadêmica da ALMA, Orquestra Bravíssimo e outras formações instrumentais. Integra o corpo docente da ALMA - Academia Livre de Música e Artes de Ribeirão Preto. É preparadora vocal do Coral Acordes Vocais do Hospital de Amor de Barretos e proprietária do Tamara Pereira - Estúdio da Voz Artística em Ribeirão Preto.

 

Cristina Modé 
Mezzo-soprano, formada no curso de Licenciatura em Educação Artística com Habilitação em Música, graduada em Instrumento Piano e em Fonoaudiologia, participou da montagem das óperas-estúdio "A Flauta Mágica", "Bodas de Fígaro" e "Don Giovanni". Apresentou-se em concertos no Teatro São Pedro, em São Paulo, participou da montagem da ópera "La Bohème", no Teatro Pedro II e foi solista em diversos concertos da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, como a Nona Sinfonia de Beethoven, Requiem de Mozart, Stabat Mater de Dvorak, entre outras. Além de solista, atua como professora de canto. Atualmente é regente dos corais da Unaerp.

 

Wladimyr Carvalho
Baixo-barítono, estudou piano clássico desde a infância. Iniciou seus estudos em Canto Lírico em 1987, no coro da Igreja Metodista de Ribeirão Preto. Particiou de inúmeras montagens de óperas, fez sua estreia em Temporada Lírica no Teatro Municipal de São Paulo, na montagem da Ópera "Rigoletto", de G. Verdi, no papel de Marullo, em julho de 2019. Finalista premiado no 4º Concurso Brasileiro de Canto Lírico Maria Callas, em 1999, realizado em Jacareí (SP). Empossado como Imortal Acadêmico na Cadeira Nº 73 da Academia de Letras e Artes de Ribeirão Preto (ALARP) em 2018.

 

Pedro Coelho 
Tenor, natural de Ribeirão Preto-SP, é formado em licenciatura em Música pela FFCLRP – USP. Vencedor do prêmio Ópera no 13º Concurso Brasileiro de Canto Maria Callas. Participou de inúmeros espetáculos, com destaque às produções de Die Zauberflöte, Don Giovanni, O Barbeiro de Sevilha, La Traviata, West Side Story, Jesus Christ Superstar. Se dedica à música sacra sendo solista de títulos como Messiah e Dixit Dominus de G. F. Händel, Magnificat de C. Monteverdi, Grande Missa em C menor e Litaniae Lauretanae de W. A. Mozart. Em 2019 fez seu debut internacional com a Petite Messe Solennelle, de G. Rossini em Tétange (Luxemburgo) sob regência de Radu Pantea.

 

SERVIÇO
Concertos Internacionais da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto
Quando: 13 de abril - 19h30
Local: Theatro Pedro II - Rua Álvares Cabral 370, Centro, Ribeirão Preto
Ingressos: 
R$ 140 plateia e frisa | R$ 70 (meia entrada)
R$ 120 balcão nobre | R$ 60 (meia entrada)
R$ 40 balcão simples (preço único)

Comentários:

🚀 Aumente vendas e reforce sua marca! Anuncie aqui, alcance mais clientes