Araraquara News

Notícias Tecnologia

Startup de Campinas é destaque em grupo de rede Alumni Unicamp

Precavida Saúde preenche todos os requisitos do UniAngels e atrai a atenção de investidores com modelo de negócio

Startup de Campinas é destaque em grupo de rede Alumni Unicamp
Laís Fonseca, co-founder ﹠ CEO da Precavida e Daniel Andrade, co-founder do UniAngels
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Precavida startup healthtech acaba de ser selecionada para receber investimentos por meio do UniAngels, grupo de ex-alunos da Unicamp que conecta investidores e startups. A oportunidade incrementa as possibilidades de crescimento da startup para expansão além da cidade de Campinas (SP) - cidade onde a Precavida tem base operacional. O serviço da Precavida prevê melhorar o acesso à saúde de qualidade por pessoas em toda a América Latina.

Laís Fonseca, co-founder ﹠ CEO da Precavida, comemora o interesse do UniAngels pela healthtech e frisa que o vínculo com o grupo vai contribuir para que a Precavida torne-se referência para o seu maior público, formado por empresas que administram os serviços de saúde dos seus colaboradores. "O UniAgels é uma iniciativa recente, mas já desponta na rota dos principais investidores de startups. Nos alegra muito ter sido aprovados nos rígidos critérios de seleção da instituição", diz Laís.

O UniAngels busca startups com modelos de negócios escaláveis que focam em um mercado alvo grande. O grupo busca também soluções tecnológicas robustas, aliadas a um time brilhante e com expertise na sua área de atuação.

"A Precavida possui as premissas do UniAngels e atua no setor de saúde, o qual deverá passar por grandes transformações nos próximos anos. Coordenar cuidados e otimizar a jornada de um paciente é muito desafiador. A Precavida propõe cumprir este desafio com tecnologia, conhecimento do mercado e um olhar centrado no paciente. Apostamos muito na empresa e na transformação que ela trará para o segmento", justifica Daniel Andrade, co-founder do UniAngels.

Destaque entre tantas

As startups apresentam a associados do UniAngels seus empreendimentos em pitch nights, encontros com alto potencial de crescimento. Durante esses eventos, os negócios exibidos podem receber investimento de integrantes da rede que acreditam no promissor sucesso da proposta.

A Precavida participou recente de uma pitch nights do UniAngels e por demonstrar todos os requisitos previstos para ser alvo do trabalho do grupo, atraiu a atenção dos investidores.

Além de direcionar a aplicação de capital a empresas promissoras, o UniAngels transfere conhecimento da rede Alumni Unicamp para jovens empreendedores recém-formados, ou ainda em formação. De acordo com Andrade, o grupo conecta os empreendedores com ex-alunos que têm experiência profissional e são especialistas em uma determinada área, organizando mentorias estratégicas para resolver uma questão específica.

Andrade salienta que o objetivo do grupo é preencher a lacuna de investimento que existe hoje no Brasil para startups em estágio inicial. "Diferente de outros ecossistemas mais maduros, startups brasileiras têm poucas opções para recorrer a aportes financeiros antes que tenham força para despertar o interesse de fundos de Venture Capital, por exemplo. Nossa motivação é fortalecer o ecossistema empreendedor no País promovendo o desenvolvimento tecnológico e bem-estar social", define.

UniAngels

O UniAngels nasceu em julho de 2020 - já na pandemia - a partir da iniciativa de três ex-alunos da Unicamp em criar um grupo de investimento anjo, sistema comum em universidades no Exterior, mas que até então não existia na Universidade em Campinas. A primeira pitch night ocorreu em 2 de dezembro, quando os fundadores Elisa Pereira (graduada em engenharia mecânica), Daniel Andrade (graduado em engenharia elétrica), e Christian Leomil de Paula (graduado em engenharia mecânica) abriram um programa de voluntários para ajudar o UniAngels a expandir suas operações.

Atualmente, o grupo conta com 18 voluntários, em sua maioria ex-alunos da Unicamp e de uma grande variedade de cursos, que analisam e selecionam startups não só da rede alumni Unicamp, mas do todo o ecossistema empreendedor brasileiro.

O grupo já promoveu 4 pitch nights - todos remotos - , examinou mais de 160 startups e selecionou as 16 com o maior potencial de crescimento segundo uma lista de critérios.

Informações: https://uniangels.com.br/

Sobre a Precavida

A Precavida é um navegador personalizado com inteligência artificial que dá suporte ao paciente em sua jornada de saúde. A ideia da startup surgiu de uma grande contrariedade que a família de Laís Fonseca, CEO da healthtech, passou. Sua mãe foi diagnosticada com câncer e teve dificuldade em encontrar o médico e o serviço corretos, a um preço acessível.

Depois de cuidar da sua mãe, que está bem, Laís executou no interior de Minas Gerais um modelo de conexão entre pacientes e médicos alcançando mais de 100 mil vidas. A empresária foi para os Estados Unidos e apresentou a proposta da Precavida ao MIT (Massachusetts Institute of Technology), faculdade de tecnologia, onde o projeto recebeu várias premiações e patrocínios de empresas e investidores norte-americanos.

De volta ao Brasil, Laís escolheu Campinas (SP) para implementar a Precavida.

Como funciona

A ferramenta desenvolve uma experiência de acolhimento simples e eficiente que estreita as relações entre usuário e operadoras/seguradoras, aumentando sua satisfação. Por meio da simplificação da jornada de saúde e, ao mesmo tempo, de um atendimento personalizado ao paciente, a navegação promove mais assertividade, rapidez, redução de custos e sustentabilidade na cadeia de saúde.

A tecnologia interpreta o que o usuário está sentindo conforme a sequência das respostas clicadas e dá recomendações que facilitam as suas escolhas. "Com o método de concierge e com o acompanhamento do nosso time, encurtamos as buscas por consultas, diagnósticos médicos, exames e reduzimos o tempo de espera, o que afeta diretamente na prevenção de uma possível piora do quadro e nos gastos extras", frisa a fundadora.

O serviço pode ser oferecido dentro de grandes empresas, o qual gera um acompanhamento individualizado dos colaboradores, otimizando as co-participações e gerando redução de custo de saúde assistencial. Além disso, esse modelo de saúde com inteligência de dados cria um player agnóstico que ajuda as empresas a serem mais eficientes na gestão de saúde dos seus colaboradores.


Serviço:

www.precavida.com

https://www.facebook.com/sejaprecavida

https://www.instagram.com/sou.precavida

https://www.linkedin.com/company/precavida

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!