Araraquara News

Inscreva-se em nosso Youtube

. Ao vivo

Notícias/ANews

Espírito Santo lança programa de tecnologia em mobilidade para combate ao crime

Ao todo, são 290 pontos de fiscalização nas divisas do Estado e nas rodovias que cortam o Espírito Santo, onde estão sendo instaladas 90 balanças móveis e 1.650 câmeras.

Espírito Santo lança programa de tecnologia em mobilidade para combate ao crime
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Governo do Espírito Santo passará a usar a tecnologia em monitoramento veicular para otimizar ações de fiscalização fazendárias, ambientais, de trânsito e de segurança pública nas rodovias estaduais e demais vias públicas do estado.

O programa Cerco Inteligente prevê a instalação de equipamentos que trabalham de maneira integrada, entregando análise de dados, utilizando inteligência artificial com base em imagens, vídeos e ferramentas de investigação.

Três empresas com diferentes expertises, incluindo a Velsis – empresa especialista no desenvolvimento de tecnologia em mobilidade -, formam o Consórcio Pedras Verdes, vencedor da licitação estadual por um período de cinco anos. Elas serão responsáveis pela implantação da tecnologia nas áreas de software, câmeras de leitura de placas de veículos (LPR) e câmeras panorâmicas e também de pontos de coleta de imagens com balanças de pesagem em movimento (WIM – Weight in Motion).

“O Cerco será muito importante, sendo uma plataforma de inteligência artificial que temos a partir de agora e que poderá ser demandada e aperfeiçoada a cada dia, fazendo com que as informações sejam processadas e, como consequência, melhoram a nossa resposta, trazendo mais segurança à toda sociedade capixaba”, disse o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, na solenidade de lançamento do programa.

Ao todo, são 290 pontos de fiscalização nas divisas do estado e nas rodovias que cortam o Espírito Santo, onde estão sendo instaladas 90 balanças móveis e 1.650 câmeras. A tecnologia é desenvolvida por um consórcio de multinacionais de tecnologia.

Todas as informações serão enviadas para Centros de Comando e Controle que utilizam Big Data com inteligência artificial em tempo real e permitem a programação de atividades em campo com maior assertividade e eficiência

De acordo com Guilherme Araújo, especialista em mobilidade e presidente da Velsis, empresa paranaense de tecnologia em trânsito que integra o consórcio Pedras Verdes, a ação do governo capixaba é considerada inédita no Brasil, tendo em vista que permitirá ações de combate ao crime em diferentes áreas públicas.

“Este programa é um grande exemplo de como a tecnologia pode ser usada a favor da segurança da população, da manutenção do patrimônio ambiental e físico e para coibir a evasão fiscal”, afirma Guilherme Araújo.

Com o investimento em tecnologia para o Programa Cerco Inteligente será possível, entre outras ações, identificar o perfil de tráfego de veículos no estado - origem-destino, tempo médio de percurso -, o combate à evasão fiscal com o controle de veículos de carga e a análise dos dados e otimização da estratégia de atuação das secretarias envolvidas.

Controle do excesso de carga - Outra importante vantagem do sistema será a fiscalização de excesso de carga de veículos, o que contribuirá com a durabilidade do pavimento e maior segurança nas rodovias.

Isso porque pelo fato do estado do Espírito Santo ser considerado o líder mundial na exportação de rochas ornamentais no Brasil – sendo responsável por quase 82% do envio de mármores, granitos e outras rochas naturais para os cinco continentes - muitos caminhões acabam transitando pelas rodovias com excesso de peso. Em alguns casos estes veículos ocasionam acidentes e a destruição da pavimentação, além de interdição de vias.

Para solucionar este problema o Programa Cerco Inteligente prevê a instalação de 90 balanças de pesagem em movimento com captura de imagens no programa Cerco Inteligente (WIM – Weight in Motion).

Pesagem - A Velsis será a empresa responsável pela a instalação destes equipamentos analisadores de tráfego e que possibilitam a captura da imagem de todos os veículos que transitam pelo ponto em que a balança de pesagem está instalada.

Os sensores identificam a passagem, a velocidade e geometria do veículo em toda a seção da via, inclusive entre as faixas. Também podem ser emitidas informações como dados do veículo – como cor, data e modelo – peso líquido, tara, peso bruto e registro de passagem, permitindo o cruzamento de documentação no Departamento de Trânsito e Secretaria da Fazenda.

“Todos os dados emitidos pelo equipamento serão enviados para uma central de inteligência para a complementação de ações e políticas públicas do Cerco Inteligente”, conta Guilherme Araújo.

Com isso, os órgãos responsáveis poderão atuar efetivamente para identificar veículos de carga trafegando com excesso de peso, com peso diferente do informado em nota fiscal, a reutilização de notas para o transporte de mercadorias, documentos vencidos ou atrasados, placas clonadas e outras ilegalidades.

 

 



Website: https://velsis.com.br/
FONTE/CRÉDITOS: DINO
Comentários:

Veja também